Secnidazol: Indicações e cuidados ao usar

Secnidazol: Indicações e cuidados ao usar

Quadros parasitários não são incomuns no organismo humano e muitas vezes são chamados de vermes.Para esse tipo de problema, existem alguns medicamentos consagrados e o secnidazol é um deles. Apesar disso, antes de ingeri-lo é preciso conhecer muito bem como usá-lo e quais cuidados tomar.

Assim, confira a seguir tudo o que você precisa saber sobre esse medicamento.

Onde comprar o Secnidazol?

O Secnidazol é vendido em todas as farmácias do Brasil, mas se você quiser recebê-lo em sua casa, indicamos duas farmácias que fazem vendas online, a Araújo e a Onofre. Além de possuírem os melhores preços, ambas possuem garantia de entrega no tempo estimado.

Clique aqui para comprar o Secnidazol na Drogaria Araújo:

botão araujo

Clique aqui para comprar o Secnidazol na Drogaria Onofre:

Botão onofre

Para que serve?

Basicamente o secnidazol é utilizado como antiparasitário, ou seja, é utilizado quando o paciente possui algum quadro parasitário no organismo.

As quatro indicações principais desse tipo de medicamento incluem a amebíase intestinal, amebíase hepática, giardíase e a tricomoníase. Por algumas delas serem doenças relativamente comuns, o medicamento também é bastante conhecido entre o público em geral.

Como usar?

O uso desse medicamento dependerá da indicação do caso e também da idade do paciente. Seu uso, entretanto, é feito por via oral em forma de comprimidos.

No caso de adultos com tricomoníase é preciso tomar 2 comprimidos de 1000 mg apenas uma vez, assim como no caso de amebíase intestinal ou giardíase.

Já na amebíase hepática a dose recomendada é de 1,5 a 2 gramas por dia num período de 5 a 7 dias.

Quais os efeitos colaterais?

Os efeitos colaterais incluem náusea, dores no estômago, mudanças no paladar, diminuição da taxa de células brancas no organismo, dificuldade de coordenação, vertigem e alterações no sistema motor em geral. A maioria desses efeitos é reversível com a suspensão do tratamento.

Além disso, também é importante observar os efeitos colaterais que surgem das interações medicamentosas e com outras substâncias químicas em geral.

Quem usa remédios para tratamento do alcoolismo pode sofrer delírios e estados de confusão mental, enquanto a ingestão do álcool pode levar a quadros de vômitos, taquicardia e vermelhidão.

Quem usa anticoagulantes, por sua vez, corre o risco de aumentar o seu efeito e diminuir o metabolismo do fígado.

Quais as contraindicações?

No geral, entretanto, o secnidazol é bem aceito pelo organismo em geral, o que gera poucas contraindicações.

A principal delas é quem tem algum tipo de alergia a algum componente da fórmula e também a quem usa anticoagulantes. Quem está grávida, com suspeita de gravidez ou amamentando também não pode utilizar esse remédio, assim como quem tem histórico de convulsões.

Quais cuidados tomar?

Antes de comprar o remédio na farmácia e ingeri-lo é muito importante consultar um médico não apenas para que ele receite o remédio, mas também para que ele possa diagnosticar o problema de maneira mais efetiva.

Também é importante seguir o tratamento corretamente como o previsto para que o problema seja eliminado de maneira definitiva. Não tomar doses elevadas e, principalmente, não mentir para o médico são cuidados muito importantes para garantir a administração segura do medicamento.

O consumo de álcool junto desse remédio é vetado e no caso de qualquer sintoma adverso é necessário suspender o uso e comunicar o médico.

O secnidazol é utilizado no combate de parasitas do corpo humano, mas é preciso ter muita atenção em seu uso para que ele não cause qualquer complicação de saúde. Por isso, consulte um médico para que a ingestão desse remédio seja feita de maneira totalmente segura.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 4,50 out of 5)
Loading...

One thought on “Secnidazol: Indicações e cuidados ao usar

Add Comment