Anemia

Anemia

A anemia é uma doença séria que afeta a oxigenação do sangue, diminuindo as hemácias – células vermelhas – que carregam a hemoglobina, proteína que se associa ao oxigênio para seu transporte. Embora a anemia ferropriva, causada pelos baixos níveis de ferro no sangue, seja a mais comum, existem outros tipos dessa doença que têm causa genética e podem causar complicações bem mais graves. Nesse artigo, falamos um pouco sobre a anemia, seus tipos e tratamentos possíveis para essa complicação.

Tipos

Anemia ferropriva – Em 90% dos casos em que se fala de anemia, se trata da anemia causada pela deficiência de ferro. Esse mineral é parte importante da fabricação de células vermelhas, e sua falta pode causar má oxigenação dos tecidos. Ela pode ser causada por grande perda de sangue, alimentação pobre em ferro ou incapacidade de absorvê-lo nos alimentos. Ela costuma afetar principalmente meninas e gestantes, embora também possa acometer homens.

Anemia falciforme – De origem genética, a anemia falciforme afeta, primeiramente, as hemácias em si. Enquanto uma hemácia normal tem formato de disco para se mover mais facilmente pelos vasos sanguíneos, as hemácias de um paciente afetado têm formato de foice. Isso faz com que elas não se movam livremente, e como morrem muito rápido, a medula óssea não consegue repô-las a tempo. Trata-se de uma doença crônica e sem cura.

Anemia perniciosa ou megaloblástica – Seja por conta de infecções, cirurgia ou falta de uma proteína fabricada no estômago, o portador de anemia perniciosa não consegue absorver a vitamina B12. Ela, assim como o ferro, está intimamente ligada à produção de hemácias. Sem essa vitamina, quando as hemácias são formadas na medula, elas encontram problema em se dividir propriamente, o que leva a não haver células vermelhas o suficiente. Costumava ser bastante fatal antes de suplementos de vitamina B12 ficarem disponíveis.

Sintomas

Ferropriva – Dor de cabeça, palidez da pele e das mucosas, desejo por comer barro, fadiga, ocasionando eventualmente arritmia e insuficiência cardíaca.

Falciforme – Um dos sintomas comuns da anemia falciforme é a dor súbita e crônica, afetando diferentes partes do corpo, que é chamada crise falciforme. Frequentemente causa fadiga, falta de fôlego, dores de cabeça, mãos e pés frios, tez pálida e dores no peito. Entre as suas complicações, estão o bloqueio da oxigenação das extremidades do corpo, derrame, ulceras nas pernas e outros.

Perniciosa – A deficiência de B12 pode ocasionar um sistema nervoso danificado. Isso gera formigamento nas mãos e pés, perda de reflexos e fraqueza muscular. Problemas para caminhar são bastante comuns.

Diagnóstico

O diagnóstico de anemia é feito através de exame de sangue, pelo hemograma, no qual é feita a contagem de hemácias. No caso da anemia falciforme, é possível detectá-la logo após o nascimento da criança, realizando o teste do pezinho.

Tratamento

Ferropriva – Alimentação rica em ferro e aplicações por meio de injeção de ferro são usadas nesse tratamento. Em casos muito graves, pode ser necessária uma transfusão.

Falciforme – É feito com mudanças alimentares e uso de suplementos, medicamentos e até cirurgia. Depende da severidade da doença.

Perniciosa – O tratamento é feito com suplementação da vitamina B12, por comprimidos ou injeção.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Add Comment