Peeling: Saiba como é o procedimento!

Peeling: Saiba como é o procedimento!

O peeling é um tratamento estético ideal para quem quer retirar manchas ou renovar a aparência da pele – normalmente a do rosto. Embora seja bastante popular, muitas pessoas não sabem como ele funciona ou por que ele melhora o aspecto da pele. Além disso, é preciso conhecer os diferentes tipos existentes e, por isso, saiba agora como funciona essa técnica

Como funciona?

De maneira geral, o peeling remove, normalmente, células da epiderme, a camada mais superficial da pele. Graças à ação de substâncias, a pele começa a descascar e, com isso, se torna mais fina.

Como é uma espécie de agressão à pele, a produção de colágeno é estimulada, fazendo com que a pele ganhe mais firmeza e também fique livre de manchas, como as provenientes da acne.

Tipos de peeling

Embora os peelings funcionem de maneira geral e semelhante, há diferentes tipos de procedimento e, com isso, cada um possui um agente ativo e funciona de um jeito. Os principais tipos são:

Químico

Os peelings químicos são aqueles em que é aplicada uma substância – normalmente um ácido – que, em contato com a pele faz com que ela descasque e elimine células mortas. Feito isso, logo em seguida a pele começa a se regenerar e por causa disso podem-se eliminar manchas mis leves e cicatrizes superficiais.

Físico

Já o do tipo físico ou mecânico é realizado com a pulverização de pequenos cristais de dióxido de alumínio na pele e que promovem uma abrasão superficial. Essa abrasão pode ser realizada com lixas de diamante ou com outros aparelhos automáticos, como acontece com a microdermoabrasão. Esse tipo tende a ser mais leve, já que atua apenas nas camadas mais superficiais e, portanto, não fornece resultados intensos.

Biológico

Também chamado de enzimático, o do tipo biológico utiliza enzimas específicas e que são responsáveis por retirar a camada mais superficial da pele. A pele, então, regenera-se com aspecto melhorado. Por ser mais leve, esse tipo praticamente não possui nenhuma contraindicação.

Vegetal

O do tipo vegetal, por sua vez, inclui a aplicação de uma espécie de látex em todo o rosto. Na hora da retirada, é feita uma massagem esfoliante que retira as células da camada mais superficial. O resultado é uma pele mais bonita, macia e suave.

A laser

Novidade no mercado, o peeling a laser possui impacto médio a profundo e, portanto, não é recomendado a todos os tipos de pele. Apesar disso, ele fornece resultados mais intensos, como a retirada de manchas mais escuras e retirada de cicatrizes. Esse tipo pode ser utilizado, inclusive, no tratamento de estiras.

Protetor solar é fundamental

Independentemente da região ou do tipo de procedimento escolhido é fundamental utilizar protetor solar por todo o período de recuperação. Como a pele nasce mais fina, ela é mais sensível e a exposição solar desprotegida pode levar ao aparecimento de manchas definitivas. Além disso, a exposição aos raios UV sem proteção também leva ao fotoenvelhecimento, fazendo com que surjam rugas e marcas de expressão.

Assim, o peeling é uma técnica muito utilizada por quem deseja uma pele mais bonita ou uma aparência mais jovem. Para conseguir os resultados desejados, entretanto, é necessário fazer uma avaliação do seu tipo de pele e também tomar todos os cuidados necessários no período de recuperação.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

3 thoughts on “Peeling: Saiba como é o procedimento!

  1. Camila Sório Souza

    - Edit

    Reply

    Eu fiz o peeling químico e foi um tratamento muito eficaz para tratar da minha pele, ela está totalmente renovada. Fiz o peeling na clínica Montenegro Cirurgia Plástica e recomendo.

Add Comment