Alimentos ricos em Proteínas

Alimentos ricos em Proteínas

Participando em quase todos os processos celulares e tendo diversas funções no organismo, as proteínas são um importante nutriente que deve ser consumido com frequência através da alimentação. Responsáveis pela estruturação e regeneração das células, hoje abordaremos a importância que os alimentos ricos em proteína têm em uma alimentação balanceada.

O que é?

Macromoléculas biológicas, as proteínas são constituídas por uma ou mais cadeias de aminoácidos. Presentes em todos os seres vivos, proteínas diferem entre si fundamentalmente pela sequência de aminoácidos. Animais, ao contrário das plantas, não sintetizam todos os aminoácidos que necessitam para viver, chamados aminoácidos essenciais, e precisam consumi-los através da alimentação. Ao contrário do que pensa o senso comum, existem fontes de proteína tanto animais quanto vegetais. Carne, ovos, leite e derivados configuram no primeiro grupo, enquanto no segundo ficam principalmente o feijão, as lentilhas, a soja e o grão de bico. Como a dieta humana consegue absorver grande parte dos aminoácidos essenciais, raramente uma pessoa saudável com a dieta equilibrada necessita de um suplemento protéico.

Funções

Enzimas – Catalisadores biológicos, esse tipo de proteína tem alta especificidade. Sua importância é imensa, já que quase todas as reações do organismo são catalisadas por enzimas.

Transportadoras – São as proteínas responsáveis por fazer o transporte de outras substâncias como glicose e aminoácidos através das membranas celulares, e também estão presentes na circulação transportando íons e outras moléculas de um órgão para outro.

Estruturais – Algumas proteínas participam da arquitetura das células, dando forma, suporte e resistência, como é o caso dos tendões que possuem colágeno.

Defesa – Anticorpos também são proteínas, e atuam protegendo o corpo de agentes invasores, como bactérias, venenos, toxinas e proteínas vegetais.

Reguladoras – Hormônios são proteínas que regulam as atividades metabólicas, como a insulina, por exemplo.

Armazenamento – Algumas plantas armazenam nutrientes através das proteínas nas suas sementes, por exemplo, para depois serem utilizados na germinação e crescimento da nova planta.

Contráteis – Atuando na movimentação e contração das células, algumas proteínas ajudam a produzir o movimento muscular.

Proteína e crescimento muscular

Para atletas que buscam a hipertrofia, uma dieta rica em proteínas é extremamente necessária. Isso porque, com os exercícios, os músculos sofrem microlesões e pequenos processos inflamatórios, que serão regenerados pela proteína consumida. Isso causará o crescimento do músculo, mas como a quantidade de proteína nesse caso é bem grande para ser suprida apenas pela alimentação, são usados suplementos alimentares à base de proteína isolada do leite ou da carne, como o Whey Protein.

Alimentos

Salmão, frango, camarão, carne vermelha, tofu, soja, amêndoas, ovos, leite comum ou semidesnatado, ervilhas, quinoa, milho, peito de peru, ervilhas vermelhas, atum ao natural, queijos, leite de soja, feijão preto, fradinho e carioca, amaranto, anchovas, pasta de amendoim, pistache, espinafre, aspargos, castanha de caju, aveia, grão de bico, trigo, pescada, proteína de soja texturizada, gergelim, chia, couve, brócolis, batata doce, goiaba, coco, abacate, banana, maracujá, mirtilo, cerejas, framboesas, passas e uva, tangerina, damasco e outros são alimentos ricos em proteínas que você pode começar hoje mesmo a incluir em sua dieta.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Add Comment