Benefícios do tomate

Benefícios do tomate

Parte do cardápio de todo brasileiro, é raro não encontrarmos na mesa uma saladinha de tomate e alface na hora do almoço. Exatamente por ser um alimento tão comum é que talvez poucas pessoas saibam de todas as vantagens que o consumo regular de tomate oferece, e é isso que abordaremos nesse artigo.

 Rico em antioxidantes

O tomate é riquíssimo de uma substância conhecida como a estrela dos antioxidantes, o licopeno. Ele está associado à redução do risco de doenças cardíacas, controle dos níveis de colesterol e prevenção das doenças relacionadas ao avanço da idade. Rico também em vitaminas A, C e beta-caroteno, o consumo de tomate está associado à prevenção de vários cânceres, como os de próstata, pâncreas e pulmão.

Potássio

Frequentemente a alimentação é deficiente em potássio, e o tomate possui bastante desse mineral. Baixas quantidades de potássio podem resultar em hipertensão arterial, doenças cardíacas, derrame, artrite, cânceres e distúrbios digestivos.

Doença de Alzheimer

Alguns estudos realizados associaram o consumo regular de tomate com aumento da função neurológica e redução do risco do Alzheimer. Entretanto, serão precisos mais estudos para comprovar essa teoria.

Cozido é melhor

O calor aumenta a biodisponibilidade do licopeno, o que o faz ser melhor absorvido pelo corpo quando o tomate é cozido. Entretanto, é bom ler os rótulos de molhos prontos e catchup feitos com tomate: não há destruição do licopeno, mas ele pode ter os níveis desse importante nutriente diminuídos, ou possuir altos níveis de sódio e calorias.

Amigo da beleza

Refrescante, tonificante e auxiliar da circulação sanguínea, o tomate alivia as queimaduras de sol e pode ser aplicado no rosto para potencializar tratamentos de limpeza. A acidez do tomate faz dele um amigo especialmente para pele oleosa ou acneica, já a pele seca também pode fazer uso de uma máscara de tomate, desde que com parcimônia.

Tipos de tomate

Segundo a Associação Brasileira de Horticultura, o Brasil produz atualmente nove tipos de tomates comestíveis, mas não existe grande variação nutricional entre as variedades. Os quatro mais consumidos são:

  • Santa Clara: Também pode ser conhecido como Santa Cruz ou Débora. É a variedade mais consumida, arredondada e com as pontas achatadas, com bastante água e sementes.
  • Caqui: Ideal para o uso em lanches, como sanduíches, é maior e tem uma consistência firme.
  • Italiano ou Saladette: Tem a polpa adocicada, formato oval e comprido, e poucas sementes. Comercializado bem maduro, é ideal para fazer molhos.
  • Cereja: Pequenino, o tomate cereja é ideal para fazer aperitivos. É adocicado e tem baixa acidez.

Receitas nutritivas

Tomate recheado com cogumelos

Fatie quatro colheres de sopa de cogumelo paris e refogue com alho, azeite e salsinha. Depois, extraia a tampa e a polpa do tomate e preencha com os cogumelos. Polvilhe queijo ralado e asse por 15 minutos.

Sopa creme de tomate

Refogar em duas colheres de manteiga: duas cenouras, um quilo de tomates, duas cebolas e dois talos de salsão, todos fatiados. Adicione 500ml de água e acrescente uma pitada de açúcar. Após ferver por 30 minutos, bata no liquidificador e peneire.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Add Comment